Mapa mental

Como utilizar o mapa mental para otimizar seus estudos?

As pessoas estão cada vez mais sendo pressionadas para obter um bom desempenho acadêmico, passar em concursos públicos e se saírem bem em provas do ensino básico.

Devido a essa pressão, as pessoas que desejam se sair bem nos estudos precisam usar recursos para ajudar na fixação dos temas estudados. Um desses recursos é o mapa mental.

Com os métodos de estudos tradicionais, nem todas as pessoas conseguem manter gravados na mente os assuntos que precisam para realizar uma prova ou fazer uma apresentação em público.

Técnicas diferentes de estudo podem ser utilizadas para reter o conhecimento na mente de forma mais rápida e eficaz.

Alunos e professores começaram a abraçar o mapeamento mental como uma valiosa ferramenta de aprendizagem.

Com os mapas mentais, os alunos podem tentar aprender novos conceitos de maneira diferente, processá-los melhor e reter essas novas informações por um período mais longo.

Mas o que é um mapa mental e como você pode usar essa ferramenta para otimizar seus estudos? Continue lendo esse artigo para saber mais informações a respeito disso!

O que é e como funcionam os mapas mentais?

Um mapa mental é uma espécie de estrutura. É uma forma de te ajudar a organizar, visualizar e resumir informações. Seu objetivo é fornecer a melhor maneira de armazenar informações em uma página.

Muitos tópicos podem ser estudados e revisados ​​de forma mais fácil e significativa, fazendo mapas mentais. Os mapas mentais podem ser feitos à mão ou usando um programa especial no computador.

O mapeamento mental refere-se a uma forma visual de fazer anotações que assume um conceito central a partir do qual todas as outras ideias se ramificam. Você está basicamente mapeando suas ideias, para que você consiga se lembrar das informações de forma mais rápida e precisa.

Para entender melhor como os mapas mentais funcionam, pense no passado, quando os cartógrafos saíam para criar uma representação física do mundo, para tornar uma área conhecida.

Dos lugares que conheciam, eles passariam a mapear os arredores imediatos. Talvez eles se estendam para fora em uma direção particular em um dia e em outro no dia seguinte. Lentamente, toda a imagem se forma.

Em um mapa mental, a ideia central seria a área conhecida, enquanto os arredores imediatos seriam análogos aos pensamentos críticos. Pode haver marcos essenciais para reconhecer um pensamento específico ou solução para um problema.

Como utilizar o mapa mental para otimizar seus estudos?

Sem dúvidas, os mapas mentais são ferramentas incríveis que podem te ajudar a fixar as informações que você estuda na sua mente, otimizando seus estudos de forma eficaz. Veja a seguir como você pode usar essa ferramenta nos seus estudos.

Leia e aprenda sobre a matéria

A primeira coisa a fazer para criar mapas mentais é absorver o conteúdo. Em outras palavras, você precisa estudar para aprender o assunto e absorver as informações que você deseja fixar na mente, pois são com essas informações que você vai criar seus mapas mentais.

Para estudar o ideal é que você esteja em um ambiente tranquilo, livre de coisas que possam te distrair. Além disso, estar em um espaço organizado também pode te ajudar muito a absorver informações de modo eficaz.

Organize os conteúdos

Depois de estudar e absorver as informações, você deve organizar os conteúdos que você estudou para colocar as ideias no papel em seguida. A melhor forma de fazer um mapa mental é ao termino de estudar cada conteúdo, pois dessa forma você pode fazer os mapas mentais individualizados de acordo com cada assunto.

Estruture as ideias

Depois de organizar os conteúdos você pode estruturar as ideias principais de cada conteúdo, para que o seu mapeamento contenha apenas as ideias importantes.

É importante notar que além de te ajudar a fixar os assuntos na mente, os mapas mentais te ajudam a lembrar com mais detalhes sobre o que você estudou. Sendo assim, somente as ideias principais são o suficiente para te ajudar a lembrar do assunto.

Estabeleça relações hierárquicas

Nessa fase do mapa você vai estabelecer hierarquia das ideias. No centro do mapa, você pode deixar uma ideia principal que se associe com as outras ideias, pois dessa forma fica ainda mais fácil de fixar o tema.   

Utilize recursos visuais

Essa é a parte mais divertida dos mapas mentais. A nossa mente consegue lembrar com mais facilidade de imagens, em comparação com textos e palavras. Sendo assim, use recursos visuais como desenhos, formas ou quaisquer outras imagens nos seus mapas mentais.

Utilize recursos online

Algumas pessoas preferem fazer os mapas mentais no papel, mas outras obtêm bons resultados fazendo mapas utilizando recursos online. Existem algumas ferramentas em sites que podem te ajudar a fazer um mapa mental de maneira muito simples para que você possa otimizar seus estudos de forma eficaz.